MÊS DE MARIA – Vigésimo sétimo dia: O Sagrado Coração de Maria

1. O Coração mais perfeito;
2. O Coração mais santo;
3. O Coração mais amável depois do de Jesus.

ORAÇÕES PARA TODOS OS DIAS DO MÊS

Oração preparatória

Abri, Senhor, a minha boca para louvar o vosso Santo Nome. Purificai também o meu coração de todos os vãos, perversos e estranhos pensamentos, iluminai meu entendimento, inflamai minha vontade para que digna, atenta e devotamente possa fazer esta devoção e mereça ser atendido diante de vossa Divina Majestade. Por Jesus Cristo, Senhor Nosso. Amém.

V. Sede em meu favor, Deus onipotente.
R. Em me socorrer sede diligente.
V. Glória seja ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo também.
R. Como era no princípio, seja agora e sempre. Amém.

Invocação ao Espírito Santo

Vinde, Espírito Santo, enchei os corações dos vossos fiéis e acendei neles o fogo de vosso amor.
V. Senhor, enviai o vosso Espírito e tudo será criado.
R. E renovareis a face da terra.

ORAÇÃO

Ó Deus, que instruístes os corações dos vossos fiéis com a iluminação do Espírito Santo, fazei que nos regulemos segundo o mesmo Espírito e que gozemos sempre da sua consolação. Por Jesus Cristo, Senhor Nosso. Amém.

Oração de São Bernardo à Santíssima Virgem

Lembrai-vos, ó puríssima Virgem Maria, que nunca se ouviu dizer que algum daqueles que tem recorrido à vossa proteção, implorado vossa assistência e reclamado vosso socorro, fosse por vós desamparado. Animado eu pois com uma igual confiança a vós, Virgem entre todas singular, como a Mãe recorro. De vós me valho; e gemendo com o peso de meus pecados, me prostro a vossos pés. Não rejeiteis minhas súplicas, ó Mãe do Filho de Deus humanado; mas dignai-vos de as ouvir propícia, e de me alcançar o que vos rogo. Amém.

Ato para antes da meditação

Eu estou na presença de Deus. Ele me vê, me ouve e penetra até o íntimo de minha alma, descobrindo nela os meus mais recônditos pensamentos e afetos. Ah, como poderei sustentar a face do Deus de toda a santidade? Sendo tão miserável pecador, quando penso em minhas numerosas infidelidades, em tantos e tão enormes atentados que tenho cometido contra o meu Criador, o temor e o remorso se apoderam de mim e quase não me atrevo a levantar os olhos para o céu… A vós me socorro, ó divina Maria. Por toda a parte vos ouço chamar o refúgio dos pecadores, a consolação dos aflitos, a Mãe de misericórdia; sede pois o meu refúgio, minha esperança, minha Mãe, e alcançai-me o perdão de vosso adorado Filho.

Piedosíssima Virgem, bem conheceis minha ignorância e fraqueza. Sem os auxílios da graça não sou capaz de bem algum; nem mesmo posso ter um bom pensamento, nem excitar um bom sentimento em minha alma. Dignai-vos, vós mesma ensinar-me a orar. Afastai de mim todas as distrações, derretei o gelo de meu coração, inspirai-me atenção, recolhimento e fervor para fazer bem esta oração.

O Sagrado Coração de Maria

1. O Coração mais perfeito;
2. O Coração mais santo;
3. O Coração mais amável depois do de Jesus.

Primeiro Ponto: O Coração mais perfeito

O coração de Maria é o mais perfeito, o mais digno de nossa veneração e respeito, que saiu das mãos do Criador. Toda a Santíssima Trindade concorreu para a formação desta obra-prima e se empenhou em enriquecer este coração admirável com os mais excedentes dons, com as mais preciosas e abundantes graças. O Pai eterno empenhou todo seu poder para formar em Maria um coração de filha, cheio de respeito, docilidade e obediência para com seu Criador. O Filho deu a Maria um coração de mãe, no qual ele queria habitar como em seu santuário. O Espírito Santo deu-lhe um coração de esposa, todo abra- sado no mais puro e ardente amor. O espírito humano nunca poderá compreender todas as grandezas, todas as riquezas e perfeições que encerra este sagrado Coração. Unamo-nos aos Espíritos bem-aventurados que não cessam de cantar no Céu seus louvores. Honremo-lo com uma terna devoção, para que mereçamos ir no Céu celebrar sua glória e suas inefáveis grandezas na bem-aventurança.

Segundo Ponto: O Coração mais santo

O Coração de Maria é o coração mais santo, que a mão do Criador formou em uma simples criatura. Modelo admirável das mais puras virtudes, imagem perfeita do Coração de Jesus, o Coração de Maria se abrasou sempre na mais ardente caridade. Ele sozinho amou mais a Deus, do que todos os Serafins. Deu mais glória a Deus pelo menor de seus afetos do que lhe tem dado todas as outras criaturas com suas mais santas ações. Ó Coração puríssimo da Mãe de Deus, tesouro de graça e de santidade, santuário de todas as virtudes, vós sereis daqui em diante o meu modelo. De vós aprenderei a humildade, a pureza, a mansidão, a paciência, o desprezo do mundo e, sobretudo, o amor de Jesus.

Terceiro Ponto: O Coração mais amável depois do de Jesus

O Coração de Maria é, depois do de Jesus, o mais amável de todos os corações, o mais digno de nossa ternura e gratidão pela amabilidade incomparável que em si encerra, por sua doçura, por sua bondade, por sua caridade para conosco. Sempre atenta a nossas necessidades, esta Virgem Mãe nos oferece o seu coração para que seja nosso refúgio, asilo e consolação em todas nossas penas. Retribuamos-lhe, pois, amor por amor. Mostremos-lhe nossa gratidão e ternura por nossa fidelidade em seu serviço, por nosso zelo em imitar suas admiráveis virtudes.

ORAÇÃO

Ó amabilíssimo Coração de Maria, que sois o trono da caridade, da misericórdia e da paz. Coração puro, objeto das complacências da adorável Trindade, digno de toda a veneração dos Anjos e dos homens. Coração Santíssimo, modelo de todas as virtudes, perfeita imagem do Coração de Jesus. Coração maternal que sentistes tão vivamente as nossas misérias, que tanto sofrestes por nossa salvação, que nos amastes com tanta ternura e que mereceis por todos estes títulos o respeito, o amor, o reconhecimento e a confiança de todos os homens, dignai-vos aceitar nossas fracas adorações. Escutai nossos votos, ouvi nossas súplicas, convertei nossos corações, enchei-os do amor de vossas virtudes, inflamai-os nesse fogo celeste em que vós continuamente ardeis. Sede nosso auxílio em todas as necessidades, nosso alívio nas aflições, nossa força nas tentações, nosso socorro nos perigos, nosso refúgio na hora da morte, e nossa ventura na eternidade.

EXEMPLO

Conversão admirável

Um moço libertino, que se entregava sem remorsos a toda a qualidade de excessos e escândalos, foi acometido no meio de suas desordens por uma doença, da qual morreu. Porém, ainda que tão libertino, havia tomado o costume de rezar todos os dias uma Ave-Maria em honra da Santíssima Virgem, e nunca deixou de o fazer até mesmo na maior força de seus crimes e desordens.
Apenas se soube que a doença era perigosa, foi visitá-lo o seu Pároco e o exortou a que se confessasse. Mas ele respondeu que, se tivesse de morrer desta doença, queria morrer como tinha vivido; e se dela escapasse, do mesmo modo queria continuar a viver. Foi esta sua única resposta a todos os que lhe falavam em confissão, e nem o Pároco, nem o Coadjutor, nem muitos outros Padres e Religiosos, que o viram, nem pessoa alguma de sua família puderam obter dele outra resposta. Todos se achavam em uma consternação inexplicável e ninguém já ousava falar-lhe em converter-se, temendo dar-lhe ocasião para repetir suas blasfêmias e impiedades. Um de seus companheiros, da mesma idade, porém mais prudente, e que muitas vezes o repreendera de suas desordens, foi vê-lo uma manhã e depois de lhe ter falado em outros objetos, lhe disse: — Mas tu deverias cuidar em converter-te. — Meu amigo, replicou o enfermo, não pode ser; sou muito grande pecador. — Então, respondeu o outro, se és tão grande pecador, recorre à Santíssima Virgem, que é a Mãe dos pecadores. — Eu rezo-lhe todos os dias uma Ave Maria, diz o doente, parece-te que isso pode servir-me de alguma coisa? — Que? replica o outro, se pode servir-te?! Servir-te-á de tudo. Não lhe pedes tu nessa oração, que ore por ti na hora da tua morte? — Isso é verdade, responde o doente; e visto ser assim, vai chamar o Pároco para me confessar. — Dizendo estas palavras, começou a derramar torrentes de lágrimas. O seu amigo, profundamente comovido, não pode conter também as suas e não sabia como agradecer a Deus por tão feliz mudança. Entretanto o Pároco, que queria fazer uma última tentativa com o doente, entrou nesse momento e ficou muito admirado vendo estes dois jovens derramando copiosas lágrimas. Perguntando o que era, disse-lhe o doente — Sou eu que choro os meus pecados. Ah, eu começo bem tarde! Mas, os merecimentos do meu Salvador são infinitos, e não tem limites a sua misericórdia, isto é o que me inspira confiança. — Ah, disse o Pároco, quem operou uma tão grande mudança? — Foi a Santíssima Virgem, respondeu o enfermo. Foi a minha boa Mãe que me abriu os olhos, que me tocou o coração e que não quer que eu me perca. — Quereis portanto confessar-vos? Diz o Pároco. — Sim, responde o doente, mandai vir aqui todos, para que assim como as minhas desordens foram públicas, a minha confissão também o seja. — Não é necessário, diz o Pároco, os escândalos da vossa vida ficarão suficientemente reparados quando se souber que vos confessastes bem. — Nisto o jovem amigo do enfermo desceu abaixo, aonde contou à família o que se passara, enquanto o doente fazia a sua confissão, que foi muitas vezes interrompida por suas lágrimas e soluços. Acabada a confissão, o Pastor lhe trouxe o Santo Viático, que foi acompanhado por uma imensa multidão de pessoas de toda a qualidade, a quem tinha atraído a notícia desta conversão. O Pároco, na exortação que fez a este respeito, não deixou de publicar o modo por que se tinha operado este prodígio da graça, e falou da Santíssima Virgem de um modo tão tocante, que arrancou lágrimas a todos seus ouvintes. Mas, quando o doente começou também a falar e exprimiu os afetos de amor, confiança e reconhecimento de que se achava penetrado, quando pediu perdão aos circunstantes pelos maus exemplos que lhes dera; e quando finalmente se encomendou a suas orações, não se ouviam em toda a assembleia senão suspiros, gritos e soluços; e uma cerimônia tão tocante e edificativa ocasionou bastantes conversões. O concurso, que houve no funeral, foi tão grande que a igreja paroquial não podia conter a multidão do povo que quis assistir a ele. Este funeral pareceu menos uma cerimônia fúnebre do que um dia de triunfo em honra da gloriosíssima Virgem, cujo poder e grandes misericórdias todos exaltavam e louvavam. (Coleção de histórias)

PRÁTICA

Praticai todas as vossas ações com os sentimentos do Coração de Maria.

JACULATÓRIA

Cor Mariae, Cordi Jesu simillimum, ora pro nobis.
Ó Coração de Maria, perfeita imagem do Coração de Jesus, orai por nós..

Ato para depois da meditação

Bendito sejais, meu Deus, pelas graças que acabais de conceder-me durante esta oração, pelas luzes e bons pensamentos que nela me destes, pelas santas impressões com que movestes meu coração, pelas saudáveis resoluções que me inspirastes. Perdoai-me as distrações, as negligências, a tibieza e a resistência à vossa graça, de que me tornei culpado. Virgem Piedosíssima, minha boa e terna Mãe, eu me lanço com uma inteira confiança em vossos braços, para achar em vosso coração um asilo seguro contra todos os perigos a que poderei achar-me exposto. Tomai-me debaixo de vossa proteção; vigiai em minha defesa; trazei-me à memória muitas vezes as minhas resoluções e alcançai-me a graça de as praticar fielmente.

ANTÍFONA

V. Toda sois formosa, ó Maria.
R. Toda sois formosa, ó Maria.
V. E não vos manchou o pecado original.
R. E não vos manchou o pecado original.
V. Vós sois a glória de Jerusalém.
R. Vós sois a alegria de Israel.
V. Vós sois a honra do vosso povo.
R. Vós sois a advogada dos pecadores.
V. Ó, Maria!
R. Ó, Maria!
V. Virgem prudentíssima.
R. Mãe clementíssima.
V. Rogai por nós.
R. Intercedei por nós a Nosso Senhor Jesus Cristo.
V. Fostes, ó Virgem, imaculada na vossa Conceição.
R. Rogai por nós ao Pai, cujo Filho destes à luz.

OREMOS

Ó, Deus que preparastes uma digna morada para vosso Filho, pela imaculada Conceição da Virgem Maria, preservando-a de toda a culpa, pela previsão da morte do mesmo seu Filho, concedei-nos pela intercessão desta Senhora, que purificados de toda a mácula, cheguemos a gozar a vossa vista. Pelo mesmo Jesus Cristo, Senhor Nosso. Amém.

Ladainha de Nossa Senhora

Senhor, tende piedade de nós.
Jesus Cristo, tende piedade de nós.
Senhor, tende piedade de nós.
Jesus Cristo, ouvi-nos.
Jesus Cristo, atendei-nos.
Pai do Céu, que sois Deus, tende piedade de nós.
Filho Redentor do mundo que sois Deus, tende piedade de nós.
Espírito Santo, que sois Deus, tende piedade de nós.
Trindade Santa que sois um só Deus, tende piedade de nós.
Santa Maria, rogai por nós.
Santa Mãe de Deus,
Santa Virgem das virgens,
Mãe de Jesus Cristo.
Mãe da divina graça,
Mãe puríssima,
Mãe castíssima,
Mãe imaculada,
Mãe intemerata,
Mãe amável,
Mãe admirável,
Mãe do bom conselho,
Mãe do Criador,
Mãe do Salvador,
Virgem prudentíssima,
Virgem venerável,
Virgem louvável,
Virgem poderosa,
Virgem clemente,
Virgem fiel,
Espelho de justiça,
Sede da sabedoria,
Causa da nossa alegria,
Vaso espiritual,
Vaso digno de honra.
Vaso insigne de devoção,
Rosa mística,
Torre de Davi,
Torre de marfim.
Casa de ouro,
Arca da aliança,
Porta do Céu,
Estrela da manhã,
Saúde dos enfermos,
Refúgio dos pecadores,
Consoladora dos aflitos,
Auxílio dos Cristãos,
Rainha dos Anjos,
Rainha dos Patriarcas,
Rainha dos Profetas,
Rainha dos Apóstolos,
Rainha dos Mártires,
Rainha dos Confessores,
Rainha das Virgens,
Rainha de todos os Santos,
Rainha concebida sem pecado original,
Rainha assunta ao Céu,
Rainha do sacratíssimo Rosário,
Rainha da Paz,
Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, perdoai-nos, Senhor.
Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, ouvi-nos, Senhor.
Cordeiro de Deus, que tirai os pecados do mundo, tende piedade de nós.

ANTÍFONA

Salve, Rainha, Mãe de misericórdia…

OREMOS

Infundi, Senhor, como vos suplicamos a vossa graça em nossas almas, para que nós, que pela anunciação do Anjo cremos na encarnação do vosso Filho, pela sua paixão e morte de cruz sejamos conduzidos à glória da ressurreição. Pelo mesmo Jesus Cristo, Nosso Senhor.

R. Amém.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s