Arquivo da categoria: :: DEVOÇÕES

Novena ao glorioso São José – Quinto dia

Vinde, ó Espírito Santo, enchei os corações de vossos fiéis e acendei neles o fogo de vosso divino amor.

Mandai o Vosso Espírito e tudo será criado.

E renovareis a face da terra.

OREMOS: Ó Deus, que doutrinastes os corações dos fiéis pela ilustração do Espírito Santo, concedei-nos que pelo mesmo Espírito Santo saibamos o que é reto e gozemos sempre de sua preciosa consolação. Amém.

ORAÇÕES PREPARATÓRIAS PARA TODOS OS DIAS 

Deus e Senhor meu, uno e trino, Pai, Filho e Espírito Santo, creio que estou em vossa soberana presença agora, quando pretendo consagrar a São José esta novena. Amo-vos com todo o meu coração, porque sois infinitamente bom e digno de ser amado sobre todas as coisas. Adoro-vos com todo o acatamento de que sou capaz, arrependo-me dos muitos pecados que fiz contra vossa divina majestade. Quisera nesta novena aprender as virtudes que, com tanta perfeição, praticou o glorioso Patriarca, e alcançar por sua intercessão as graças de que tanto preciso. Mas, quem sou eu, Senhor, para

Continue lendo Novena ao glorioso São José – Quinto dia

Novena ao glorioso São José – Quarto dia

PELO SINAL DA SANTA CRUZ…

Vinde, ó Espírito Santo, enchei os corações de vossos fiéis e acendei neles o fogo de vosso divino amor.

Mandai o Vosso Espírito e tudo será criado.

E renovareis a face da terra.

OREMOS: Ó Deus, que doutrinastes os corações dos fiéis pela ilustração do Espírito Santo, concedei-nos que pelo mesmo Espírito Santo saibamos o que é reto e gozemos sempre de sua preciosa consolação. Amém.

ORAÇÕES PREPARATÓRIAS PARA TODOS OS DIAS 

Deus e Senhor meu, uno e trino, Pai, Filho e Espírito Santo, creio que estou em vossa soberana presença agora, quando pretendo consagrar a São José esta novena. Amo-vos com todo o meu coração, porque sois infinitamente bom e digno de ser amado sobre todas as coisas. Adoro-vos com todo o acatamento de que sou capaz, arrependo-me dos muitos pecados que fiz contra vossa divina majestade. Quisera nesta novena aprender as virtudes que, com tanta perfeição, praticou o glorioso Patriarca, e alcançar por sua intercessão as graças de que tanto preciso. Mas, quem sou eu, Senhor, para Continue lendo Novena ao glorioso São José – Quarto dia

Novena ao glorioso São José – Terceiro dia

Vinde, ó Espírito Santo, enchei os corações de vossos fiéis e acendei neles o fogo de vosso divino amor.

Mandai o Vosso Espírito e tudo será criado.

E renovareis a face da terra.

OREMOS: Ó Deus, que doutrinastes os corações dos fiéis pela ilustração do Espírito Santo, concedei-nos que pelo mesmo Espírito Santo saibamos o que é reto e gozemos sempre de sua preciosa consolação. Amém.

ORAÇÕES PREPARATÓRIAS PARA TODOS OS DIAS 

Deus e Senhor meu, uno e trino, Pai, Filho e Espírito Santo, creio que estou em vossa soberana presença agora, quando pretendo consagrar a São José esta novena. Amo-vos com todo o meu coração, porque sois infinitamente bom e digno de ser amado sobre todas as coisas. Adoro-vos com todo o acatamento de que sou capaz, arrependo-me dos muitos pecados que fiz contra vossa divina majestade. Quisera nesta novena aprender as virtudes que, com tanta perfeição, praticou o glorioso Patriarca, e alcançar por sua intercessão as graças de que tanto preciso. Mas, quem sou eu, Senhor, para 

Continue lendo Novena ao glorioso São José – Terceiro dia

Devoção dos Sete Domingos de São José. Sexto Domingo: Volta do deserto

CONSIDERAÇÃO

E morto Herodes, apareceu o Anjo a São José em sonhos em Egito. (Mt 2,19) E lhe disse: levanta-te, toma o Menino e sua Mãe e volta à terra de Israel, porque os que buscavam a vida do Menino morreram já. (Mt 2, 20) E ouvindo que Arquelau reinava na Judeia em vez de Herodes, temeu ir lá, mas avisado em sonhos, refugiou-se na Galileia, vindo habitar em Nazaré. (Mt 2, 21)

PONTO 1. — Considera a tristeza do glorioso Patriarca, nos sete longos anos de exílio em terra, onde não tinha nada que o consolasse, e onde os únicos pensamentos com que podia divertir-se, eram recordações tristes do que nessa terra sofreram seus pais. Todas as coisas que lá via lhe recordavam a escravidão dos filhos de Israel, e lhe traziam constantemente à ideia a lembrança de que estava em país inimigo. Mas nunca abandona Deus os que esperam nele, e assim, passados os sete anos do desterro, apareceu a José o Anjo do Senhor, mandando-lhe que Continue lendo Devoção dos Sete Domingos de São José. Sexto Domingo: Volta do deserto

NOVENA AO GLORIOSO SÃO JOSÉ – SEGUNDO DIA

Vinde, ó Espírito Santo, enchei os corações de vossos fiéis e acendei neles o fogo de vosso divino amor.

Mandai o Vosso Espírito e tudo será criado.

E renovareis a face da terra.

OREMOS: Ó Deus, que doutrinastes os corações dos fiéis pela ilustração do Espírito Santo, concedei-nos que pelo mesmo Espírito Santo saibamos o que é reto e gozemos sempre de sua preciosa consolação. Amém.

ORAÇÕES PREPARATÓRIAS PARA TODOS OS DIAS 

Deus e Senhor meu, uno e trino, Pai, Filho e Espírito Santo, creio que estou em vossa soberana presença agora, quando pretendo consagrar a São José esta novena. Amo-vos com todo o meu coração, porque sois infinitamente bom e digno de ser amado sobre todas as coisas. Adoro-vos com todo o acatamento de que sou capaz, arrependo-me dos muitos pecados que fiz contra vossa divina majestade. Quisera nesta novena aprender as virtudes que, com tanta perfeição, praticou o glorioso Patriarca, e alcançar por sua intercessão as graças de que tanto preciso. Mas, quem sou eu, Senhor, para Continue lendo NOVENA AO GLORIOSO SÃO JOSÉ – SEGUNDO DIA

NOVENA AO GLORIOSO SÃO JOSÉ – PRIMEIRO DIA

Pelo sinal da Santa Cruz…

Vinde, ó Espírito Santo, enchei os corações de vossos fiéis e acendei neles o fogo de vosso divino amor.

Mandai o Vosso Espírito e tudo será criado.

E renovareis a face da terra.

OREMOS: Ó Deus, que doutrinastes os corações dos fiéis pela ilustração do Espírito Santo, concedei-nos que pelo mesmo Espírito Santo saibamos o que é reto e gozemos sempre de sua preciosa consolação. Amém.

ORAÇÕES PREPARATÓRIAS PARA TODOS OS DIAS 

Deus e Senhor meu, uno e trino, Pai, Filho e Espírito Santo, creio que estou em vossa soberana presença agora, quando pretendo consagrar a São José esta novena. Amo-vos com todo o meu coração, porque sois infinitamente bom e digno de ser amado sobre todas as coisas. Adoro-vos com todo o acatamento de que sou capaz, arrependo-me dos muitos pecados que fiz contra vossa divina majestade. Quisera nesta novena aprender as virtudes que, com tanta perfeição, praticou o glorioso Patriarca, e alcançar por sua intercessão as graças de que tanto preciso. Mas, quem sou eu, Senhor, para Continue lendo NOVENA AO GLORIOSO SÃO JOSÉ – PRIMEIRO DIA

Devoção dos Sete Domingos de São José. Quinto Domingo: Fuga ao Egito

CONSIDERAÇÃO

O Anjo do Senhor apareceu em sonhos a José e lhe disse: levanta-te, toma o Menino e sua Mãe e foge ao Egito e fica lá até que eu te avise de novo. (Mt 2, 13). E ele levantando-se tomou o Menino e sua Mãe, de noite, e foi para Egito. (Mt 2, 14)

PONTO 1. — Considera, devoto josefino, a dor do glorioso patriarca vendo perseguido Jesus sem outra razão que ser Deus. Que mal podia ter feito uma criança de poucos dias? E quando se viu no mundo, ser perseguida uma criança, não já por crimes reais ou supostos, que podem ter cometido seus pais, senão exclusivamente por si mesma, sendo ela só o alvo da odiosa perseguição? Pois o que nunca se vira, experimenta agora S. José, vendo perseguido seu querido Jesus.

Escuta a ordem do Anjo: toma o Menino e sua Mãe e foge ao Egito. Mas quando? De noite? E sem nenhuma preparação, sem aviso prévio empreender uma viagem tão longa e caminhar ao exílio? Pena grande seria para o coração do ilustre Patriarca despertar sua amada Esposa, que Continue lendo Devoção dos Sete Domingos de São José. Quinto Domingo: Fuga ao Egito

Devoção dos Sete Domingos de São José. Quarto Domingo: Profecia de Simeão

CONSIDERAÇÃO

E depois que se cumpriram os dias da purificação de Maria segundo a lei de Moisés, levaram o Menino a Jerusalém, para oferecê-lo ao Senhor. (Lc 2, 22). E ele (Simeão) tomou a Jesus em seus braços e bendizia ao Senhor. (Lc 2, 28) E Simeão lhes abençoou e disse a Maria, mãe de Jesus: “eis está posto para queda e levantamento de muitos em Israel, em sinal de contradição, e tua mesma alma traspassará uma espada. (Lc 2, 34-35)

PONTO 1. — Considera a pontualidade com que São José cumpre todas as leis do Antigo Testamento, apesar de Jesus não estar obrigado a nenhuma delas, e nem tão pouco ele, no que dizia respeito a seu divino Salvador. Foi ao templo, pois, para cumprir a lei da purificação de Maria e da oferta e resgate dos primogênitos. Aprende a obediência até nas cousas difíceis e humilhantes. Encontraram no templo dois santos velhos, Simeão e Ana, a profetisa; e como estes vissem entrar a Jesus em companhia de São José e de sua Mãe Santíssima, logo principiaram a louvá-lo. E Simeão tomando em seus braços o Menino Jesus começou a dizer em alta voz que Continue lendo Devoção dos Sete Domingos de São José. Quarto Domingo: Profecia de Simeão

Devoção dos sete domingos de São José. Terceiro domingo: Circuncisão de Jesus

 

CONSIDERAÇÃO

E depois que se cumpriram os oito dias em que devia ser circuncidado o Menino, foi chamado com o nome de Jesus, que já lhe dera o anjo antes de ser concebido. (Lc 2, 21).

PONTO 1. — Que admirável é a divina Providência em seus Santos! Como sabe Deus misturar divinamente as consolações com aflições terríveis! Passara São José oito dias de verdadeira felicidade, fazendo companhia a Jesus, apesar das muitas privações e sofrimentos que padecera em Belém, repetiria ele sem dúvida em seu coração o que depois disse São Pedro: Bom é ficarmos aqui. Pobre São José! Passados oito dias ele mesmo por si, ou o sacerdote em sua presença, circuncidou a Jesus! Que dor para o coração do ilustre Patriarca! Ele que amava a Jesus como a seu Deus com todo seu coração. Ele que o amava como a um filho que lhe confiara o Eterno Pai. Ele que sabia que Continue lendo Devoção dos sete domingos de São José. Terceiro domingo: Circuncisão de Jesus

Resoluções para sua Quaresma

JEJUM: Jejuar toda sexta-feira, ou toda quarta e sexta-feira;

MISSAS: Além do domingo, escolher ao menos um dia de semana pra assistir a Missa. Abrir seu missal todos os dias para meditar nos textos das missas de cada dia;

ORAÇÃO: Por exemplo, rezar a Ladainha de Todos os Santos, o Terço todos os dias, etc;

DISSIPAÇÃO: Cortar a televisão, novelas, programas. Diminuir a Internet, o vídeo-game. Fugir das redes sociais;

MORTIFICAÇÃO: Por exemplo, tomar banho frio, não comer doce, refrigerante… Rezar de joelhos.

LEITURA: Escolha um livro para ler durante a Quaresma (espiritualidade, vida dos santos, doutrina, etc…).

Com estas práticas, conseguimos viver profundamente a nossa Quaresma, a Semana Santa e a Páscoa.

Devoção dos Sete Domingos de São José – Segundo Domingo: NASCIMENTO DE JESUS

CONSIDERAÇÃO

E deu a luz Maria a seu Filho primogênito, e o envolveu em paninhos, e encostou numa manjedoura, porque não havia lugar nas pousadas. (Lc 2, 7) Estava no mundo e o mundo foi feito por Ele, e o mundo não o conheceu. (Jo 1, 10) Veio aos seus e os seus não o conheceram. (Jo 1, 11)

PONTO 1. — Disse Jesus, quando pregava depois o seu Evangelho: “As aves do céu têm seus ninhos e as raposas seus covis, mas o Filho do homem não tem onde encostar sua cabeça”. Cumpriu isso Jesus não só na vida pública senão que começou no seu nascimento: Continue lendo Devoção dos Sete Domingos de São José – Segundo Domingo: NASCIMENTO DE JESUS

José na Encarnação do Filho do Deus 

 Devoção dos Sete Domingos de São José – PRIMEIRO DOMINGO 

CONSIDERAÇÃO

Como estivesse desposada Maria, sua Mãe com José, antes de morarem juntos, foi achada tendo concebido do Espírito Santo. (Mt 1, 18) José seu esposo, sendo justo, não quis denunciá-la, mas quis deixá-la ocultamente. (Mt 1, 19). E quando consigo revolvia estas coisas, apareceu-lhe o anjo do Senhor em sonhos e lhe disse: JOSÉ, FILHO DE DAVID, NÃO TEMAS RECEBER A MARIA TUA ESPOSA, PORQUE O QUE LEVA EM SUAS ENTRANHAS É OBRA DO ESPÍRITO SANTO. (Mt 1, 20).

PONTO 1. — Grande era, devoto josefino, o mistério verificado em Maria, quando ela pertencia já a São José, com quem estava desposada. Parecia, porém, ser conveniente. para evitar dissabores a nosso Santo, prevenir-lhe do que havia de acontecer. Não fez Deus assim, mas quis prová-lo no crisol da tribulação. Seria porque não amasse Deus a São José? Amava-o tanto, que o escolheu para esposo de Sua Mãe Santíssima. Mas prova-o e acrisola-o, porque Continue lendo José na Encarnação do Filho do Deus